Bispa Lúcia Rodovalho fala sobre Conflitos Geracionais na Santa Convocação Sacerdotal

Na noite desta quinta-feira, 22, teve início a Santa Convocação Sacerdotal da Sara Nossa Terra. O evento reuniu diáconos, pastores e bispos do ministério no Campus Arena, em Brasília. Após um intenso momento de adoração ministrado pela banda Arena Louvor, a presidente do ministério, Bispa Lúcia Rodovalho ministrou aos presentes sobre os Conflitos Geracionais.

Em sua palavra, destacou os principais erros cometidos pela liderança entre eles, não enxergar o quadro mais amplo que está sendo construído, ou seja, não visualizar o futuro. “O nosso trabalho é que a Sara Nossa Terra continue até à volta de Jesus”, disse.

O livro de Êxodos 3:6 foi utilizado pela Bispa, o qual mostra a revelação que Deus fez a Moisés, se revelando como um Deus de geração. “Não podemos construir nada para Deus sem fé, sem  propósito e sem sacrifício”, ensinou.

Ao finalizar sua ministração, Bispa Lúcia foi enfática: “Se torne competente para que a próxima geração se desenvolva e se torne também competente. Nós não fomos chamados para ter a nossa visão, mas para estarmos na visão”.