A religiosidade te coloca dentro de caixinhas

Todos nós somos humanos, temos o divino em nós, mas somos seres humanos com falhas e o Espírito Santo tem me falado sobre a necessidade de estarmos atentos na nossa carreira cristã. A coisa mais importante na minha vida, não devem ser os títulos que eu consegui, as pessoas que eu conheci ou que eu tive o privilégio de conhecer, não. Meu maior privilégio deve ser o de servir o todo poderoso.

Nossa carreira cristã não é fácil, passamos por muitas provações, por isso vemos tantas pessoas desistindo no meio do caminho. Porque é tão fácil você pegar um atalho, é tão fácil você desistir no meio do processo, mas Deus não nos chamou para desistir. Deus não nos chamou para desviar. Deus nos chamou para manter um foco. Ele nos quer focado, focados n’Ele, no chamado. Deus nos quer focados na família, no propósito, na missão.

E muitas vezes os problemas e desvios no caminho acontecem porque você está preso a coisas desnecessárias. Preso a detalhes do passado que não permitem que você abra o seu coração e se entregue ao novo. Assim é com a religiosidade. Você tem que orar todos os dias e dizer: “Senhor, eu não quero ser um religioso, porque a religiosidade me limita”. A religiosidade não deixa você crer, você sabia disso? Porque a religiosidade te põe dentro de caixinhas. A religiosidade não deixa você sair de onde você está e Deus não te chamou pra ficar dentro de caixinhas, Deus te chamou pra ser grande, para crescer. Por isso, perca os seus medos, deixe a falta de fé e as manias do passado verdadeiramente para trás, porque somente assim você será capaz de viver como cristão de verdade.